Origem do vinho é o mais relevante para o consumidor

Uma pesquisa britânica procurou entender o fator que mais importa ao consumidor na hora de escolher um vinho para acompanhar a sua refeição. O resultado mostrou que cerca de 48% dos entrevistados indicaram que a região vinícola, a tão famosa Denominação de Origem Controlada (DOC), é o elemento mais relevante na lista de vinhos de um restaurante.

A segunda razão apontada para escolher o vinho foi o preço, com 29% das respostas. Em terceiro lugar, com 15%, ficou a oportunidade de descobrir novos produtores. Por último, apareceu a harmonização do vinho com o prato escolhido para a refeição.

Experimente esses vinhos com Denominação de Origem Controlada: Catedral Reserva Dão DOC, Terre Natuzzi Chianti Riserva DOCG, Miolo Cuvée Giuseppe Merlot/Cabernet D.O., Nieto Senetiner Malbec DOC, Santola Vinho Verde DOC, Montaña Graciano Reserva DOC e Monsaraz Rosé DOC.